Ainda não tem acesso? Estude com a gente! Matricule-se
Ainda não tem acesso? Estude com a gente! Matricule-se
5
respostas

Primeira pergunta do curso de Integração Contínua

Capítulo: "Benefícios da Integração Contínua" Pergunta: "Nas alternativas abaixo, quais representam benefícios do uso da prática de Integração Contínua?"

Diz que não há uma construção mais rápida do software. Mas se você tem menos bug, tem mais tempo para desenvolver o software, o que vai resultar em uma evolução mais rápida do desenvolvimento.

Dentro da justificativa, fala em velocidade de build. Construção foi uma tradução livre de build? Se sim, acho que torna a alternativa confusa.

5 respostas

Olá Lucas, tudo bem? Certo entendi sua dúvida! Bem, o que acontece é que o prática da integração contínua não garante que vamos ter menos Bugs durante o desenvolvimento, já que isso envolve uma seria de fatores. Já quando ele fala em "Construção mais rápida do software", ele está falando em fazer o Build da aplicação mais rápido, e não em desenvolver ou concluir o desenvolvimento da aplicação mais rapidamente, ele fala em executar a aplicação mais rápido e nisso a integração contínua não influência, o que influência são outros fatores, como servidor, ferramentas utilizadas, linguagem entre outras coisas.

Espero ter esclarecido sua dúvida!

Havia uma alternativas dizendo "menos bugs" e estava listada como uma das alternativas corretas. rs

Então "Construção" era mesmo uma tradução livre de "Build". Sugeriria trocar para "Build", já que "Construção" pode significar mais coisa, enquanto o termo "Build" em TI é usado especificamente para isso.

Agradeço a resposta!

Lucas, você poderia verificar novamente? A alternativa "Código sem bugs" está marcada com "errada". É uma sugestão válida sim, sendo assim você poderia ir nos três pontinhos no canto superior direito da aula e ir na opção SUGERIR ALTERAÇÃO, assim fica mais fácil pro pessoal responsável realizar a correção!

Tá, confusão minha: eu considero que "as falhas são detectadas mais rapidamente" é o que torna a construção (desenvolvimento) do software em si mais rápida. É que falha e bug acabei processando como a mesma coisa.

Vou sugerir lá, valeu!

Quer mergulhar em tecnologia e aprendizagem?

Receba a newsletter que o nosso CEO escreve pessoalmente, com insights do mercado de trabalho, ciência e desenvolvimento de software