1
resposta

eu no lugar do lucas

Já me senti muito assim. Na maioria das vezes foi por não corresponder as minhas expectativas pessoal e profissional. O que faria no lugar do lucas? Caso queira realmente motivação, inicie dizendo pra sí mesmo que a atividade que você faz é passageira. Busque selecionar e resolver problemas de maior aptidão, assim pode ganhar mais destaque. Invista em você mesmo buscando novos cursos para se aperfeiçoar na área e amplie seus conhecimentos em outros setores, pois mostrando capacidade você encontrará o caminho do seu propósito e novas oportunidades. Sempre disse pra mim mesmo: profissões braçais como gari, pedreiro, limpeza geral não é desmerecido, é so você tomar pra sí experiências e dizer pra sí mesmo que isso é passageiro. Meu propósito é muito maior e vou conquistar mais adiante. Assim agente se envontra e trabalha mais agradável. Acho que isso.

1 resposta

Olá, Sergio!

Entendo perfeitamente seus sentimentos e acredito que você já deu um grande passo ao reconhecer a situação. Sua sugestão de buscar a motivação interna, considerando que a atividade atual é passageira, é muito válida. Isso pode ajudar a manter a perspectiva de que as circunstâncias podem mudar e que você está sempre em um processo de crescimento e aprendizado.

Além disso, você mencionou a importância de investir em si mesmo e expandir seus conhecimentos. Isso é fundamental para aprimorar suas habilidades e abrir novas oportunidades. A educação contínua é uma ótima maneira de se manter motivado e focado em seus objetivos.

Obrigada pela participação! Quaisquer dúvidas, estamos à disposição.

Se essa resposta te ajudou, marque como solução ✓. Bons estudos!

Quer mergulhar em tecnologia e aprendizagem?

Receba a newsletter que o nosso CEO escreve pessoalmente, com insights do mercado de trabalho, ciência e desenvolvimento de software