Ainda não tem acesso? Estude com a gente! Matricule-se
Ainda não tem acesso? Estude com a gente! Matricule-se

Serve para usar numa app com angularjs e spring boot

Olá, achei um pouco confuso eu consigo usar da forma que foi feito na aplicação que usa banco de dados ???? no caso depois que o Js voltar com o sucess eu insiro o usuário no banco? posso usar da forma que foi feito para valiar qualquer usuário que for se cadastrar na aplicação??? o que esse cadastro que ele faz pela propria tela da aplicação com os dados da amazon??

1 resposta

Oi Larissa, desculpe a demora no retorno,

Vamos por partes como dizia Jack :

Olá, achei um pouco confuso eu consigo usar da forma que foi feito na aplicação que usa banco de dados ??? R: A proposta do Cognito é que os dados de usuários fiquem armazenados apenas nele.

No caso depois que o Js voltar com o sucess eu insiro o usuário no banco? R: Você pode manter uma cópia desse usuário do Cognito em um banco de dados, mas você não deveria faze-lo a fim de evitar falhas de segurança e N outros problemas.

posso usar da forma que foi feito para valiar qualquer usuário que for se cadastrar na aplicação?? R: A ideia é que sua aplicação delegue a autenticação para o Cognito completamente. Então a resposta é sim

o que esse cadastro que ele faz pela propria tela da aplicação com os dados da amazon?? Esse é apenas um cenário de uso, onde o negócio exige que o próprio usuário faça seu cadastro (como em um e-commerce ou rede social). Mas nada impede que essa opção seja inibida e algum administrador da aplicação faça todos os cadastros. Situação bem comum também.

Recapitulando um ponto importante:

A proposta do Cognito é que sua aplicação não tenha que gerenciar usuários. Deixa tudo com ele, e sua aplicação vai receber Tokens que contem dados do que o usuário logado pode fazer na aplicação.

1 - Usuário se autêntica no Cognito

2 - Cognito devolve um Token para aplicação

3 - Aplicação lê as informações do Token e libera as funcionalidades de acordo com essas informações.

Espero ter ajudado! Sucesso!

Quer mergulhar em tecnologia e aprendizagem?

Receba a newsletter que o nosso CEO escreve pessoalmente, com insights do mercado de trabalho, ciência e desenvolvimento de software