Ainda não tem acesso? Estude com a gente! Matricule-se
Ainda não tem acesso? Estude com a gente! Matricule-se

Distribuição de frequencia do Residuo

No penúltimo vídeo do curso fizemos o plot da Distribuição de frequência do resíduo do modelo que estávamos trabalhando, entretanto, não ficou claro pra mim o motivo de ele ser uma curva simétrica. Sei a definição do resíduo, mas não consegui fazer a ligação do porque plotar esse tipo de gráfico para ele e porque o ideal é a simetria (caso, fosse assimétrico, o que deveria ser feito?)

1 resposta

Vamos ver se posso ajudar.

Se tratando de regressão linear e do MQO, os modelos são gerados com base em algumas suposições, uma delas é normalidade dos resíduos. Normalmente não se observa a distribuição graficamente, só aplica algum teste de normalidade para verificação.

Nesse caso, quando a distribuição dos resíduos não for normal, é um indicativo de problema no modelo, como heterocedasticidade e/ou autocorrelação serial. Problemas estes que invalidam o modelo.

A questão de ser simétrico, é simplesmente pelo motivo da distribuição normal ser simétrica.

Em caso de problemas com a normalidade dos resíduos, você teria que investigar o motivo e corrigir. Exemplo: Se o problema for por motivo de autocorrelação no tempo, pode ser adicionado um processo autorregressivo na modelagem na tentativa de correção, mas sem garantias de êxito.

Espero ter ajudado.

Quer mergulhar em tecnologia e aprendizagem?

Receba a newsletter que o nosso CEO escreve pessoalmente, com insights do mercado de trabalho, ciência e desenvolvimento de software