Ainda não tem acesso? Matricule-se

Curso JavaScript Avançado III: ES6, orientação a objetos e padrões de projetos

Nota

9.5

Nível

Avançado

Última atualização

08/01/2017

Carga horária

12h

Iniciar Curso
Concluir Favoritar

Conteúdo detalhado:

  1. Browser possui banco de dados? Conheça o IndexedDB!

    1. Browser possui banco de dados? Conheça o IndexedDB!
    2. Conectando-se ao banco aluraframe
    3. A tríade de eventos
    4. Comunicando-se com o banco através do IDBDatabase
    5. Temos um banco que não possui tabelas? Conheça o Object Store!
    6. A dupla funcionalidade de onupgradeneeded
    7. Visualizando o banco e Object Stores através do Chrome
    8. Quero gravar em uma Object Store, mas onde está a transação?
    9. Ops! Objetos precisam ter identificadores únicos em uma store!
    10. Problemas de atualização, de novo?
    11. Só acredito vendo: listando objetos de uma store
    12. Lidando com cursores
  2. Gerenciando nossa conexão com o pattern Factory

    1. Uma conexão ou várias?
    2. A classe ConnectionFactory
    3. Promises novamente para nos auxiliar
    4. Compartilhando a mesma conexão
    5. O padrão de projeto Module Pattern
    6. Monkey Patch: grandes poderes trazem grandes responsabilidades
    7. O poder da closure
    8. Constantes
  3. Padronizando acesso aos dados com o pattern DAO

    1. Escondemos a complexidade da conexão. E as operações de persistência?
    2. O padrão de projeto DAO e tratamento de código assíncrono
    3. "Promisificando" nosso DAO
    4. Combinando padrões de projeto
    5. Um pequeno inconveniente em nossa store
    6. Promises e suas nuâncias
  1. Lapidando um pouco mais nossa aplicação

    1. Ops! Não podemos importar negociações duplicadas
    2. A pegadinha do Array.indexOf e a poderosa função filter
    3. Comparação entre objetos
    4. Um truque para testar igualdade entre objetos
    5. Importando negociações automaticamente
    6. Que tal um método _init()?
    7. Melhorando a legibilidade e manutenção do nosso código
  2. Simplificando requisições Ajax com a Fetch API

    1. xmlHttpRequest: será que existe algo de mais algo nível?
    2. Refatorando HttpService para usar a Fetch API
    3. Lidando com erros da requisição
    4. Compatibilidade com uso de PolyFill
  3. Tornando nosso código ainda mais compatível usando Babel

    1. O fantasma da incompatibilidade
    2. Transcompilação: exorcizando a incompatibilidade
    3. Transcompilação com Babel
    4. Babel, instalação e build-step
    5. Compilando arquivos em tempo real
    6. Debugando código transcompilado
  4. Trabalhando com módulos do ES2015!

    1. Escopo global e carregamento de scripts = dor de cabeça
    2. ES2015 e módulos
    3. Babel e transcompilação de módulos
    4. Refatorando nosso código com import e export